Presente de Deus!

8


Inesperada paixão,estou me sentindo melhor do que nunca,mesmo sem saber se nosso caminhos irão trilhar juntos,sinto que sua respiração me afeta,meu coração bate acelerado ao ritmo das notas que você esta tocando,estamos sentados em um belo bosque repleto de flores,de várias cores e formas,que juntas formam um arco-íris. Você não para de me fitar,e quando sobre ti,lanço um olhar,você estica um sorriso alegre e cheio de paz,contagia minha vida de uma forma intensa. 
Você é o tipo de pessoa que penso não existir igual,aquele tipo que mostra carinho pelo próximo,que ama a vida e cada detalhe dela. O sol some entre as nuvens escuras de um sábado,o dia fica nublado e agora sentimos respingos de uma chuva prestes a desabar sobre nós,nossos pensamentos e desejos são que esta chuva nos regue e faça frutificar e fortalecer nossos sentimentos,que nos dê energias para vencer obstáculos e que o sol volte a brilhar para nos traçar caminhos sábios para uma vida duradoura e cheia de alegrias.
Abrindo os olhos,nos fitamos,molhados e renovados. Olhamos para o céu e avistamos o arco-íris. Promessa de Deus,que depois da chuva vem a bonança,o arco-íris beleza de sua criação mostra que suas promessas serão cumpridas em nossas vidas,juntos,caminhando lado-a-lado. 
Levantamos ao som do vento sul tocando as árvores e o cheiro de grama molhada,seguimos em frente para o melhor lugar. Nós dois juntos,a perfeição de Deus e sua criação,combinação perfeita você é. Presente de Deus!


8 comentários:

Drica GöecKing disse...

*-* qe meicoo

Felipe Köhler disse...

Eu conheço essa história.

bruna disse...

Que lindo o jeito que você escreve *-*

Daniela Port disse...

Achei lindo aqui.*-*
Amei os textos!

To seguindo, beijos :)

João Lenjob disse...

Adorei seu espaço e tem cinco poemas novinhos em meu blog http://lenjob.blogspot.com e peço que se der uma passada por lá, não deixe de dar uma olhada na barra à direita do site que tem muita coisa interessante, tá? Abaixo um poema.

João Lenjob.

Com Todo Amor
João Lenjob

Não me toque
Nem retoque
Não provoque
Nem reboque o peito meu
Que junto ao seu fez um amor
E fez amor com todo amor
Enfeitador que enfeitiçou
Que atiçou, que assim caçou
E não tem dor, nenhuma dor
Somente cor, beleza e odor
Num coração que já é meu
E junto ao seu fez alegrar
O que era triste
E hoje é esperança
De um olhar como criança
Com a andança de um amanhecer
Diferenciado o renascer
Do dia.

Leonado disse...

oow' . . Muito bom esse seu post'
você tem jeito para escrever, ficou muito bom. .
Gostei mesmo D:

http://leonarrdolima.blogspot.com/

Morgana. disse...

Novo visual lindo! *-*

Novembro. disse...

Simplesmente adorável.

Postar um comentário

Ola,deixe sua opinião e volte sempre,retribuo todas as visitas. Beijinhos :*